Quando devo procurar o Pronto Atendimento?

Pronto Atendimento

Sua saúde é seu maior bem: não subestime sintomas

O Pronto Atendimento do Hospital Santa Paula é o local destinado à prestação de serviços médicos durante as 24h do dia, para casos que necessitam de cuidados imediatos. Milhares de vidas são salvas todos os anos devido aos esforços das equipes de atendimento de emergência e, por isso, é especialmente importante entender quais casos demandam esse tipo de assistência.

Como funciona o PA?

A Dra. Juliana Batista Rodrigues Pereira, coordenadora médica do Pronto Atendimento e especialista em Medicina de Emergência, explica como são os procedimentos do Pronto Atendimento do Hospital Santa Paula:

“Em um primeiro momento, o paciente passará pelo processo de classificação de risco, um atendimento realizado pela equipe de enfermagem, onde os pacientes são avaliados de acordo com o tipo de queixa e a urgência de suas condições clínicas. Desta forma, pessoas gravemente doentes ou com ferimentos potencialmente perigosos, podem receber atendimento médico prioritário em relação aos casos em que é seguro aguardar por um período maior”, explica a especialista.

Após a classificação de risco, é realizado o registro por uma atendente do Hospital e o paciente é encaminhado para a espera. O painel eletrônico chamará a senha do mesmo e indicará o local de atendimento médico para o qual ele deverá se direcionar. Lá, seu quadro de saúde será avaliado, o especialista determinará quais os cuidados e tratamentos necessários, e se haverá a necessidade de realizar exames complementares – O paciente não deve hesitar em fazer perguntas se não entender alguma parte do processo.

Agende sua consulta online!

Saiba Mais

 

Como saber se preciso de atendimento emergencial?

“O Pronto Atendimento recebe pacientes que pela seriedade de seus sintomas não podem aguardar por atendimento ambulatorial (consulta agendada)”, pontua a Dra. Anna Luiza Dutra Poloni, coordenadora médica do PA do Hospital Santa Paula. A especialista ainda especificou abaixo uma lista com algumas das condições mais comuns que levam as pessoas a buscarem esse tipo de serviço:

  • Ataques cardíacos ou sintomas relacionados – exemplo: dor no peito.
  • Dificuldade em respirar / Crises de asma 
  • Perda súbita de visão / audição
  • Inconsciência / confusão mental
  • Dor abdominal intensa / vômito persistente
  • Sangue ao vomitar, tossir ou urinar
  • Reações alérgicas graves por picadas de insetos, alimentos ou medicamentos
  • Complicações graves de doenças
  • Quadros de intoxicação alimentar
  • Overdoses
  • Perda de súbita função e/ou dormência nos braços ou pernas
  • Ocorrência de um AVC
  • Acidentes automobilísticos
  • Lesões relacionadas à prática de esportes
  • Ossos quebrados e cortes provenientes de acidentes domésticos e/ou quedas
  • Queimaduras extensas e profundas
  • Sangramento descontrolado

Pronto Atendimento Neurológico

O Pronto Atendimento de Neurologia do Hospital Santa Paula foi criado em 2009 para ser referência na região metropolitana de São Paulo no atendimento de casos neurológicos de média e alta complexidades. Durante 24 horas por dia, contamos com uma equipe altamente capacitada para o atendimento imediato não somente de pacientes com AVC, mas também dores de cabeça, tonturas/vertigens, crises convulsivas, surtos de esclerose múltipla, meningites, entre outros quadros de forma precisa e humanizada. 

Em 2014, o Hospital Santa Paula obteve a criteriosa acreditação da Joint Commission International como Centro Primário de Acidente Vascular Cerebral (AVC), atestando a qualidade do serviço no atendimento de todas as fases do AVC isquêmico de acordo com os elevados padrões internacionais.

Eficiência e agilidade

“O Pronto Atendimento do Hospital Santa Paula conta com estrutura de laboratório e diagnóstico por imagem, além de uma equipe altamente qualificada para o atendimento de emergências médicas em suas várias apresentações, composta por vários profissionais especialistas em Medicina de Emergência, o que confere eficiência e agilidade ao nosso atendimento”, ressalta a Dra. Anna Luiza Dutra Poloni, que também é médica emergencista do Hospital Santa Paula.

A Dra. Juliana ressalta ainda que a instituição está trabalhando com fluxos específicos para o atendimento de pacientes com suspeita do novo coronavírus. “Conferindo agilidade ao atendimento e reduzindo o risco de exposição aos demais pacientes. Todos os pacientes internados pela nossa unidade são testados para a Covid-19 e alocados adequadamente, oferecendo mais segurança aos pacientes e profissionais”, finaliza.

Fonte: Dra. Juliana Batista Rodrigues Pereira e Dra. Anna Luiza Dutra Poloni, coordenadoras médicas do Pronto Atendimento do Hospital Santa Paula.


Agende sua consulta online!
Saiba Mais